Endereço

Av. Raul Soares, 121, 1º Andar, Centro - Aimorés/MG

Contabilidade para Corretores de Imóveis

O trabalho de um agente imobiliário é extremamente agitado. Ainda há muito a ser feito e o mercado está cada vez mais competitivo.
Nessa correria, é importante lembrar de gerenciar os departamentos financeiro e burocrático do negócio.
Então, além disso, as contas devem ser uma das principais preocupações de qualquer corretor de imóveis para continuar a entender melhor como funciona a contabilidade para corretores de imóveis.

Saiba como a contabilidade pode beneficiar seu negócio como corretor de imóveis!

CONTABILIDADE IMOBILIÁRIA PARA CORRETORES DE IMÓVEIS

O mercado imobiliário é um setor com regras próprias, sendo importante que o corretor, seja ele autônomo ou proprietário de uma imobiliária, conte com o auxílio de um escritório de contabilidade.
Conheça as principais funções da contabilidade:

  • Registro de transações financeiras;
  • Elaborar relatórios e balanços que demonstrem a situação econômica, patriarcal e financeira da empresa;
  • Analisar e verificar os resultados obtidos;

Por outro lado, depois de entender exatamente como funciona a contabilidade imobiliária, isso o ajudará a entender como funcionam os serviços. É algo muito útil para corretores de imóveis.

REGISTRO DE ABERTURA DE PESSOA JURÍDICA PARA CORRETORES DE IMÓVEIS

A contabilidade de uma corretora de imóveis é exigida logo no início da gestão de um negócio, esse processo é essencial para o faturamento e a abertura de contas.
Por outro lado, o melhor regime tributário será determinado e adotado nesta fase. Então, vamos dar uma olhada nas principais características dos dois principais sistemas tributários para corretores de imóveis:

1. SIMPLES NACIONAL

Este regime tributário visa beneficiar micro e pequenas empresas com receita anual total de até R$ 4,8 milhões. A grande vantagem desse sistema é a facilidade de pagamento de diferentes tributos (federais, estaduais e municipais) de diferentes maneiras.

2. LUCRO PRESUMIDO

O lucro presumido é um sistema de tributação em que os lucros da empresa são tributados.
Então, nesse caso, os tributos devidos pela empresa seriam o imposto de renda pessoa jurídica (IRPJ) e a contribuição social sobre o lucro líquido (CSLL).

PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO PARA CORRETORES DE IMÓVEIS

Não é segredo que o Brasil é um dos maiores contribuintes. Existem meios legais para reduzir essa carga tributária, mas para isso o escritório de contabilidade deve fazer análise e planejamento.

IMPOSTOS

A ajuda de um contador é necessária para cálculos precisos e compilação de instruções para o pagamento de impostos.
Então, erros podem levar a problemas com o IRS, o que pode resultar em multas e perdas para a empresa.
De outro modo, com a renda variável, é muito comum que os corretores de imóveis percam a renda mensal e acabem prejudicando o fluxo de caixa.
Então, os contadores também ajudam a manter essas finanças sob controle com relatórios e balanços patrimoniais necessários para melhorar a estratégia de negócios.

É extremamente importante para iniciar e administrar um negócio.
Como vimos, a contabilidade é indispensável para garantir o funcionamento jurídico de uma empresa e o seu crescimento.
Como tal, é interessante encontrar uma empresa de contabilidade confiável que garanta que esses aspectos sejam tratados na perfeição.

POR QUE ADOTAR A CONTABILIDADE PARA SEU NEGÓCIO?

A contabilidade imobiliária é um elemento essencial para apoiar a gestão eficaz de uma imobiliária e também pode ajudar os autônomos no registro de transações imobiliárias.
Os corretores de imóveis precisam de consultoria contábil para gerenciar seus processos e tomar as decisões certas.

A gestão imobiliária engloba um conjunto de técnicas, ferramentas e práticas que permitem a uma empresa reter bons clientes, atrair novos, aumentar o seu portfólio, melhorar os serviços, reduzir custos e aumentar os lucros.

Portanto, como o mercado imobiliário é particularmente sensível às mudanças macroeconômicas, esse segmento deve ser administrado de forma diferente dos demais setores da economia.
Isso porque, embora surja incerteza financeira na economia, seu impacto pode ser minimizado – ou mesmo eliminado – se a propriedade for apoiada por processos de boa governança.